Solidão! Como não sentir-se só!

A solidão é um sentimento profundamente estressante para a mente e corpo. Nossos ancestrais viviam em tribos, por esse motivo dependiam um do outro para caçar, coletar alimentos, cuidar dos seus filhos e se defender dos predadores. Dito isso, o cérebro humano foi desenvolvido para se conectar com outras pessoas, por essa razão compreende a solidão como um estresse crônico, desencadeando respostas do tipo “lutar, fugir ou congelar”. Então, com o passar do tempo essa exposição aos hormônios do estresse, como o cortisol, pode prejudicar a saúde.

Pesquisas apontam que a solidão ou ausência de interações sociais e comunitárias estão relacionadas com inflamações, mutações genéticas e aumento das taxas de mortalidade. Por isso, é tão importante perceber quando estar sozinho incomoda, e tomar atitudes que permitam um envolvimento, mais profundo, com outras pessoas.

Como a positividade ajuda sua saúde

Ambos, isolamento social e sensação de solidão, são ruins para a saúde. Porém sentir-se solitário é mais devastador. Segundo pesquisas os genes que causam inflamação são mais ativos em pessoas solitárias. Assim como, os genes que inibem as inflamações são mais deficientes neste mesmo grupo de pessoas. A solidão também é um fator de risco para morte precoce, sendo tão prejudicial à saúde quanto o tabagismo e a obesidade. Portanto, reduzir a solidão é muito importante.

Em termos de sociedade, precisamos proporcionar mais oportunidades para que pessoas solitárias se socializem, principalmente, os idosos.

A seguir o blog Homeopatia e Saúde, um espaço informativo da Clínica Similia Homeopatia de qualidade em São Paulo – próximo da Av. Paulista, filiada ao Dr. Ariovaldo Ribeiro e a Dra. Ana Lucia Dias Paulo, vai compartilhar algumas atitudes capazes de espantar a solidão:

Mantenha relacionamentos próximos e afetivos

Com familiares, amigos ou colegas de trabalho. Apareça sempre que possível, valorize os eventos importantes na vida dessas pessoas, enfim esteja presente.

Saia mais

Envolva-se em atividades em grupos como esportes, voluntariado, atividades criativas e sociais. Encontre um espaço na agenda para atividades sociais prazerosas. Ainda, aproveite o tempo só para conhecer mais sobre si mesmo. Tente escrever todos os sentimentos que invadem sua alma quando está sozinho, e o que eles causam em sua vida.

A solidão pode ser um indicativo de que as interações não estão correspondendo às suas necessidades emocionais e sociais. Em vista disso, tente enxergar a solidão como algo situacional ou relacionada a falta de esforço momentâneo, ao invés de considerar fruto de uma inadequação inata.

Algumas pessoas tiveram a sorte de nascer em famílias com diversas conexões, enquanto outras precisam construir suas próprias redes sociais. Se quiser mais sobre o assunto acesse: https://bit.ly/2Ws9LcU

2019-02-12T19:33:43+00:00 12/02/2019|BEM-ESTAR, DICAS|0 Comentários

Deixar Um Comentário