Slime: Alerta aos riscos à saúde!

O slime, aquela massinha mole e grudenta, virou febre entre as crianças, principalmente, com as meninas. Que passam o dia assistindo vídeos no YouTube para aprender as fazer sua própria versão. Entretanto, muitos dos componentes utilizados para desenvolver a geleca são prejudiciais à saúde. Entenda os problemas relacionados.

Nas premiações do canal Nickelodeon uma meleca verde é despejada na cabeça dos convidados, esta é a origem do slime. Bem como o canal comercializa uma versão oficial da massinha. 

O bórax, brometo de potássio, é um dos ingredientes que fazem parte da receita. A substância está presente em inseticidas e produtos de limpeza. Caso o elemento não estiver bem diluído pode provocar irritação na pele e olhos, e intoxicação. 

Em função do pH alto o bórax pode causar dermatite de contato e eczemas. Por isto muitas crianças acabam desenvolvendo lesões na pele que ardem, descamam e coçam. Ainda, a substância química pode provocar queimaduras, vômitos, diarreias e cólicas estomacais, de acordo com a quantidade utilizada.

Produtos encontrados em casa são usados para fazer o slime

Espuma de barbear, amaciante, detergentes e bicarbonato de sódio também são usados na produção do slime. Porém quando combinados podem causar irritação na pele, sobretudo, em peles sensíveis. 

Ainda que menos nociva as receitas que levam cola branca e bicarbonato de sódio não existem garantias de que a mistura não seja prejudicial à saúde.

Porque as doenças erradicadas voltam?

Para deixar o slime mais colorido e brilhante outros ingredientes são adicionados à massa, como isopor, purpurina e cola glitter. Aliás, qualquer tipo de tinta é utilizado pelas crianças para colorir a massa. Sendo que muitas delas são tóxicas e possuem cheiro forte.

A melhor opção é o slime industrializado, desde que a receita tenha sido testada dermatologicamente. Já existem diversas opções no mercado. Também há kits para que as crianças consigam fazer seu próprio slime. 

O Blog Homeopatia e Saúde é um espaço informativo da Clínica Similia Homeopatia de qualidade em São Paulo – próximo da Av. Paulista, filiada ao Dr. Ariovaldo Ribeiro e a Dra. Ana Lucia Dias Paulo. Saiba mais sobre os perigos das substâncias utilizadas na fabricação de algumas em: https://bit.ly/2K3pLOc

2019-09-06T19:09:10-03:00 13/09/2019|CRIANÇAS, DICAS, SAÚDE|0 Comentários

Deixar Um Comentário