Tag Archives: hábitos saudáveis

Homeopatia e emagrecimento – Como uma auxilia na outra?

Como a homeopatia e emagrecimento estão vinculados? A obesidade é o distúrbio nutricional mais comum. No Brasil 20% da população em idade adulta está obesa. Para quem sofre por causa do excesso de peso o indicado é manter uma dieta equilibrada e exercícios físicos, que vão ajudar na perda de peso.

Uma grande quantidade de pessoas em todo o mundo utiliza medicamentos homeopáticos para gerenciar a perda de peso. Nos casos onde a pessoa mantém uma dieta equilibrada a homeopatia pode desempenhar um papel importante na superação do excesso de peso e da obesidade, pois eles não provocam efeitos colaterais.

A homeopatia não trata diretamente a obesidade, as pessoas têm a esperança que se tomarem um remédio homeopático vai conseguir emagrecer, mas isso, realmente, não acontece, responde o Dr. Ariovaldo Ribeiro quando questionado sobre como a homeopatia pode ajudar na perda de peso.

Homeopatia e emagrecimento

O tratamento homeopático, continua o Dr. Ariovaldo, é um tratamento que visa tratar o individuo como um todo, com isso diminui a ansiedade da pessoa, fazendo com que passe a se sentir melhor. Com isso a pessoa passa a ter atitudes mais saudáveis de vida, melhorando a alimentação e praticando atividade física.

“A pessoa passa a ter uma postura melhor perante a vida e por isso começa a perder peso, mas pela atitude dela”, explica o médico. Alguns casos de obesidade estão relacionados a desequilíbrios no organismo, como por exemplo, na glândula tireoide.

É preciso avaliar cada caso para descobrir se é possível tratar com a homeopatia, ou se os medicamentos homeopáticos podem auxiliar no tratamento da obesidade, deixa claro o Dr. Ariovaldo Ribeiro.

Algumas pessoas procuram os medicamentos homeopáticos para solucionar o problema de excesso de peso. Entretanto a homeopatia não deve substituir a dieta e o acompanhamento médico.

Escolher o medicamento homeopático certo para a perda de peso é extremamente importante para o sucesso do tratamento. Os medicamentos homeopáticos também podem ser usados por crianças no combate ao excesso de peso.

Consulte um especialista antes de iniciar um tratamento com medicamentos homeopáticos.

O Blog Homeopatia e Saúde, um espaço informativo da Clínica Similia Homeopatia de qualidade em São Paulo – próximo da Av. Paulista, filiada ao Dr. Ariovaldo Ribeiro e a Dra. Ana Lucia Dias Paulo, trouxe mais essa matéria interessante sobre obesidade e homeopatia.

Emagrecer é uma questão de atitude

Se você é uma das pessoas que pensam que emagrecer é uma finalidade, está na hora de mudar os conceitos. O emagrecimento é um processo e não um fim. Não é apenas uma questão de fazer dieta e restringir a ingestão de calorias, mas principalmente de atitudes e estilo de vida.

O Blog Homeopatia e Saúde, uma publicação da Clínica Similia – Homeopatia de qualidade em São Paulo – Região da Av. Paulista, vinculada ao Dr. Ariovaldo Ribeiro Filho e a Dra. Ana Lucia Dias Paulo, selecionou um artigo com as atitudes essenciais que vão te ajudar a emagrecer. Confira a lista feita pela nutricionista especialista Roberta Stella!

 

  1. Não pense a curto prazo

Sempre projete e idealize para longo prazo. Perder peso é uma mudança de hábitos e estilo de vida, por isso deve ser sempre pensado de forma gradual. Trabalhe com metas como um quilo por semana ou mesmo meio quilo.

 

  1. Seja otimista

Pensamento positivo também é um estilo de vida. Boas atitudes atraem boas energias, então nada de pensar que tudo e todos estão contra você.

 

  1. Foco na meta

Seu foco não deve ser na restrição de alimentos, mas sim no objetivo de peso. A boa alimentação será uma escolha consequente.

 

  1. Não dê chance para a ansiedade e estresse

Quando perceber a aproximação desses pensamentos negativos, faça algo que goste para descontrair antes de pensar em descontar na comida.

 

  1. Nada de desculpas

Se quer realmente emagrecer, não se dê desculpas para comer aquilo que está na meta para ser evitado. Não deixe os doces tão acessíveis ou estará se boicotando.

 

Leia na íntegra: https://goo.gl/YpfAOy

Tags: emagrecer, reeducação alimentar, hábitos saudáveis

 

3 mudanças de hábitos essenciais para prevenir o câncer

homeopatia e saúdeUma das doenças mais devastadoras já conhecidas, o câncer é considerado o mal do século XX. Mas o portal vender o câncer, listou três atitudes que devemos ter já, para evitar desenvolver essa doença, que mata.

O texto aponta que os grupos de risco, ou seja, quem tem fatores fortes para desenvolver a doença, devem fazer mais exames, e serem mais precavidos no combate, ao menor sinal.

Porém, entre os grupos de não risco, e de risco, três hábitos devem ser modificados, para previna o surgimento de tumores:

  • Parar de fumar;
  • Iniciar uma atividade física de pelo menos 150 minutos por semana;
  • Eliminar a obesidade, principalmente nas mulheres (a cirurgia bariátrica está associada a 60% dos casos de redução de morte por câncer em seis anos).

Leia o texto na íntegra, e previna-se. http://goo.gl/d6Y2Qo

 

6 coisas que você deve deixar de fazer

homeopatiaO Blog Homeopatia e Saúde e os doutores Ana Lucia Dias Paulo e Ariovaldo Ribeiro Filho, garimparam um texto divertido que explica 6 atitudes que você deve deixar de lado, antes de completar 40 anos, para não se arrepender depois.

O texto publicado pelo site do jornal argentino, El Pais, em sua versão em português, enumera ações que quem está no fim da era “inta” se aproximando as eras “enta” não podem levar em frente.

Entre essas ações a primeira é “faltar a academia, sempre que aparecer algo melhor para fazer”. É importante que a rotina de exercícios seja prioridade, porque com o passar do tempo a gordura corporal só aumenta, as pessoas mais velhas podem ter quase um terço a mais de gordura do que quando eram jovens, explica o texto.

O segundo hábito que as pessoas devem abandonar é o do cigarro. Há inúmeras razões conhecidas para abandonar esse vício, mas vale lembrar que quando alguém apaga seu último cigarro antes de assoprar as 40 velinhas no bolo, a probabilidade de morte prematura cai 90%.

Leia mais sobre esses e outros hábitos no texto completo: http://goo.gl/ywmur4

Aleitamento Materno

ser mulherSomos seres mamíferos e como tais mamar é um ato natural. Na semana mundial de incentivo ao aleitamento materno o Blog Homeopatia e Saúde volta a esse tema para lembrar quais são os benefícios para os bebês. E ao abordar esse tema na série SER MULHER queremos lembrar também que existem benefícios para as mães que amamentam. Leia o texto e compartilhe. Você pode ajudar alguém.

o-BLACK-TIGER-MOTHER-facebook-1024x682Amamentação é muita mais que um ato fisiológico. Até 6 meses de idade o leite materno contém todos os nutrientes que um bebê precisa. A amamentação prolongada até o primeiro ano de idade promove o fortalecimento do sistema imunológico e o aumento do vínculo entre o bebê e sua mãe.

Segundo a SBP – Sociedade Brasileira de Pediatria, que reviu a cartilha de indicações para o aleitamento e modificou uma antiga recomendação de controle de mamadas, o ideal é que a mãe dê o peito a seu filho sempre que ele pedir. Chamado de “Livre demanda” esse conceito auxilia as mães que ficam menos angustiadas com os choros “famintos” de seus bebês até que eles estabeleçam uma rotina alimentar. “Ele deve mamar quando e quanto quiser. Dessa maneira, vai aprender a lidar também com a saciedade, o que reduz o risco de obesidade no futuro”, explicou Valdenise Tuma Calil, pediatra presidente do Departamento de Aleitamento Materno da SBP, ao portal M de Mulher.

A OMS – Organização Mundial de Saúde, recomenda que o leite materno seja oferecido até que a criança complete 2 anos de idade. E que seja o único alimento que o bebê receba até os 6 meses.

Benefícios para o bebê

O bebê nasce com tudo necessário para a digestão do leite materno. Já outros alimentos, mesmo o leite de vaca, não tem no organismo tão frágil do bebê a mesma adequação, portanto o leite materno é de fácil digestão.

Através do leite a mãe passa para o bebê uma série de anticorpos que adquiriu ao longo de sua vida, e doenças como diarreia, resfriado, infecções urinárias e respiratórias, alergias e problemas na arcada dentária são evitados por conta do aleitamento.

k00010Ao mamar um bebê exercita os músculos e ossos da face, promovendo melhor flexibilidade na articulação das estruturas que participam da fala.

Mamar auxilia na respiração, já que mamando o bebê respira pelo nariz, e isso promove um melhor padrão respiratório nasal, e facilita a oxigenação das estruturas faciais.

A amamentação é um vínculo entre mãe e bebê, um momento que a criança recebe segurança, carinho e amor.

O leite materno auxilia no desenvolvimento mental do bebé.

 

Benefícios para quem amamenta

A mãe que amamenta sente-se mais segura e menos ansiosa. Como o ato de amamentar fortalece o vínculo com o bebê, as mães sentem-se mais seguras em relação aos filhos.

Amamentar faz queimar calorias e por isso ajuda a mulher a voltar, mais depressa, ao peso que tinha antes de engravidar.

Ajuda o útero a regressar ao seu tamanho normal mais rapidamente.

A perda de sangue depois do parto acaba mais cedo

amamentarA amamentação protege do cancro da mama que surge antes da menopausa, portanto ajuda a prevenir câncer de mama.

A amamentação protege do cancro do ovário, portanto ajuda a prevenir câncer de ovário.

A amamentação protege da osteoporose

A amamentação exclusiva protege da anemia (deficiência de ferro).
As mulheres que amamentam demoram mais tempo para ter menstruações, por isso as suas reservas de ferro não diminuem com a hemorragia mensal;

Amamentar é muito prático! Não é necessário esterilizar e preparar mamadeiras.

 

Benefício para a família.

Tem uma vantagem de amamentação que nem sempre é levada em consideração, que é a econômica. Normalmente um bebê que não é amamentado tem que consumir formulas ou leites especiais, então economicamente é vantajoso alimentar.

 

Como se alimentar quando está amamentando

dieta-para-a-mae-que-amamentamPara as mulheres que vivem esse período mágico da chegada de um bebê e do descobrimento de ser mãe, a recomendação de alimentação é a mesma que foi para o período de gravidez. Hábitos saudáveis e uma dieta rica em grãos, cereais integrais, frutas e verduras fazem bem para qualquer pessoa. Nesse período o que vale mesmo é o bom senso. A mulher que está amamentando e tem uma rotina saudável passa isso para o bebê. Mas não se prive de comer uma guloseima de vez em quando, porque isso também faz bem para a alma.

Como em qualquer outra fase da vida, evite gorduras saturas (frituras, manteiga, gordura vegetal) e consuma gorduras saudáveis com moderação, como abacate, azeite, sementes e peixes como salmão.

É comum as mulheres que amamentam sentirem mais fome, afinal a produção do leite é 24 horas por dia, então mantenha o hábito de lanches saudáveis e nutritivos, como vitaminas de iogurte com frutas, pães integrais e proteínas magras, como queijo branco. O ideal é ingestão desses lanches entre as mamadas.

Lembre-se de beber bastante liquido, pois sem ele o leite não é produzido, preferencialmente água.

Na dúvida, procure um nutricionista de confiança.

 

Para reler os demais textos sobre amamentação que o Blog Homeopatia e Saúde produziu:

Amamentar é preciso 

Amamentar muito mais que um ato de amor

 

 

 

7 hábitos diários a serviço do bem estar do corpo

Para ter uma saúde implacável é preciso tomar alguns cuidados. Hoje o Blog Similia Homeopatia e Saúde vai dar dicas de como é possível cultivar uma rotina saudável do acordar até a hora de dormir.

Existe uma máxima que diz: “Deus ajuda a quem cedo madruga”. Levando isso na prática biológica, acordar cedo de fato beneficia a saúde.

similia acordeDica nº 1 – Acorde cedo

Uma pesquisa publicada no jornal Daily Mail, e desenvolvida pela Universidade Roehampton, em Londres, Inglaterra, acompanhou os hábitos de mais de mil mulheres e homens enquanto dormiam. O resultado apontou que os índices de ansiedade e depressão diminuíram. Outro fator relevante foi a contribuição que o madrugar causa para a rotina de tomar café da manhã, o que auxilia, ainda, à boa forma.

Há quem diga que beber água em jejum emagrece. Verdade ou mito? É mito, mas que faz muito bem esse hábito não podemos negar. Recentemente desvendamos alguns mistérios sobre esse bem tão preciso.

similia aguaDica nº 2 – Beber água em jejum

Enquanto dormimos é realizado um processo natural de reparação de células, com a eliminação de toxinas em nosso organismo. O ato de beber pelo menos dois copos com água ajuda nesse processo, além de favorecer a absolvição dos nutrientes dos alimentos que virão no café da manhã.

E como já dizia a turma do Balão Mágico: “Comer comer, comer comer, é o melhor para poder crescer”! A canção lúdica é para as crianças, mas para nós, adultos, serve para lembrar que só uma boa alimentação é capaz de fortalecer nosso corpo, desde o sistema imunológico responsável por combater possíveis malefícios no organismo, por exemplo, quanto ao enriquecimento nutricional dos músculos e demais órgãos.

similia cafe da manhãDica nº 3 – Café da manhã reforçado

Estudos comprovam que uma boa alimentação durante as primeiras horas do dia é capaz de prevenir doenças como obesidade, pois quanto maior o período que ficamos sem comer, acumulamos a fome para a próxima refeição, o que aumenta o consumo na alimentação seguinte. A ingestão de frutas, de alimentos ricos em fibras – como pão integral, cereais, derivados do leite – e sucos são ideais para manter o corpo forte e saudável.

Manter o corpo em movimento faz bem também para a alma. “Corpo são, mente sã”.

similia exercícios fisicosDica nº 4 – Pratique exercícios físicos

Não importa a forma e, sim, os benefícios que são alcançados com a prática de exercícios físicos. Dentre os quais podemos citar o controle do peso, além da diminuição dos riscos de doenças cardíacas e pressão alta; aumenta o nível de colesterol bom; contribui no tratamento de males como a depressão, estresse e insônia, etc.

Mantenha uma rotina e acompanhe os resultados. Aeróbica, aulas de dança ou mesmo uma caminhada são boas opções para estar em dia com os músculos.

Não foi à toa que em uma de suas obras cientista político americano Benjamin Franklin refletiu sobre o seguinte pensamento: “o trabalho dignifica o homem”. Trazendo para a atualidade, manter-se ocupado com alguma tarefa, seja ela profissional ou ainda na fase de estudos, trará uma recompensa não só no âmbito afetivo quanto no intelectual.

similia trabalheDica nº 5 – Trabalhe e/ou Estude

O conhecimento é um tesouro que ninguém é capaz de nos tirar. Portanto, investir em estudo para aprimoramento de alguma técnica, ou mesmo galgar uma carreira profissional levará o indivíduo à realização plena e, por que não dizer, ao sucesso. A felicidade e a satisfação virão em seguida. Inclusive, de acordo com uma pesquisa divulgada pela revista Neurology, pessoas com maiores níveis de escolaridade obtêm melhor desempenho no tratamento de lesões cerebrais, além de, em sua maioria, terem sintomas menos agressivos quando são acometidos por patologias neuro-degenerativas, a exemplo do mal de Alzheimer.

E a alimentação não pode parar. Sabe aqueles lanchinhos antes do almoço e do jantar? São essenciais! Só não vale substituir as refeições.

similia alimentaçãoDica nº 6 – Lanche, almoce e jante

Especialistas comprovaram que o ato ficar muito tempo sem se alimentar deixa o metabolismo mais lento, além de alterar as reações hormonais. Depois de horas sem comer, o corpo fica sedento de glicogênio — principal reserva energética encontrada nas células. A partir disso, sintomas como tontura, dor de cabeça, mal humor são facilmente identificados. Profissionais da nutrição recomendam, inclusive, uma dieta balanceada de alimentação a cada 3 horas. Frutas são excelentes opções de lanches rápidos. Pensando no almoço, a Universidade Harvard simplificou a refeição da seguinte forma:

  • 30% do prato deve ser destinado para alimentos ricos em carboidrato. Ex: arroz ou massas.
  • 30% de vegetais. O segredo é variar para não enjoar. Ex: rúcula, cenoura, beterraba, etc.
  • 20% é reservado às proteínas. Ex. feijão, frango, peixe.
  • 20% para qualquer tipo de fruta. A sobremesa nunca esteve tão balanceada.

A última refeição do dia normalmente é o jantar, que sendo assim deve ser a mais leve do dia. Isso porque o metabolismo não funciona na mesma velocidade se comparado às primeiras horas da manhã. Sendo assim, a ingestão de alimentos leves favorece ao bom funcionamento do sistema digestivo, evitando o acúmulo de gordura. Sugestão: queijo branco, tapioca, fontes de carboidrato, fibras, chás, suco de maracujá ou cereja.

Para fechar o dia com excelência só falta aquele soninho para renovar as baterias e renovar o ciclo de saúde.

similia durma bemDica nº 7 – Durma bem

Pesquisas apontam que pelo menos três em cada dez pessoas desenvolvem problemas com o sono. Mantenha uma rotina saudável, evite ingestão de cafeína e energéticos a noite, crie um ambiente aconchegante e propício ao relaxamento. Em caso de problemas com insônia, não hesite em procurar um profissional para orientar as melhores alternativas para a questão. Para adultos saudáveis são recomendadas entre 7 a 9 horas de pleno sono.

Reflita sobre essa rotina e veja em quais delas você pode melhorar para manter no dia a dia uma rotina mais produtiva e saudável.

Alergia – Um estilo de Vida

Quem é alérgico já sabe: existe lugares e situações “proibidos”. Entrar num “sebo” para procurar um livro raro é vetado. Gosta de teatro? Tudo bem, mas nem pense em assistir àquela peça que passa num teatro alternativo cujas cortinas estão há anos sem ver água. Viajar para a casa da prima, no sítio ou na praia, que fica fechada boa parte do ano então, só se alguém for antes e fizer uma faxina poderosa, para que você possa respirar.

Se identificou com algo da introdução? Alergia é um estilo de vida meu caro. Mas nem todo mundo entende o que é “alergia”. A palavra deriva do grego – allos (estado alterado) e ergon (reagir a algo). Quer dizer que todas as vezes que o organismo humano recebe um estimulo estranho ele reage com mais ou menos violência.

images (2)

A Pediatra Homeopata da Clínica Similia – Dra. Ana Lucia Dias Paulo,  explica que podemos observar uma gama enorme de causas e pessoas que se dizem alérgicas, ou seja, reagentes à algum estimulo.

“Esses agentes causadores das reações no organismo, podem ser de natureza ambiental ou até mesmo alimentares, e há tempos que se trava verdadeiras batalhas contra estes inimigos ocultos, mas o que realmente se observa são agentes e indivíduos cada vez mais sensibilizados”, esclarece Dra. Ana Lucia.

A alergia é uma defesa do organismo. Quando estimulado com algo “estranho” (ambiental ou alimentar, como explicado pela Dra. Ana Lucia) o organismo reage colocando o “exército” de células em alerta.

“No organismo humano, em geral, a reação é um estimulo as células de defesa. Geralmente essas células, chamadas “tipo T”, provocam reações de aumento local (inchaço) por retenção de líquidos ou descamação tecidual, como no caso de mucosa do nariz e até mesmo dos pulmões”, exemplifica Dra. Ana Lucia.

images

Se afaste do que te faz mal!

Nem sempre afastando-se do agente que causa a alergia desaparece os sintomas. Muitas vezes o organismo reage com mais violência à ausência do agente causador.

A algumas semanas um texto, em tom de piada, publicado no jornal “Estado de São Paulo”, brincava com a alergia do repórter: Sim, queria falar um pouquinho sobre essa coisinha que só os alérgicos entendem. Essa coisa que aparece em todas as estações do ano e com a qual você tem de aprender a conviver: a alergia. Tempo seco demais? Ela bate na sua porta. Tempo muito úmido? Ela nunca falta. Muito frio? Ela chega e fica. Verão? Vem tímida, mas aparece. E, nessas condições, só os alérgicos se entendem. Quem passa pela vida sem estar acostumado com o “tradicional espirrinho de manhã” não sabe do que falo.”

Mesmo brincando, a repórter Marilia Neustein conta como algo comum à vida de quem tem alergias respiratórias. Não é o frio, calor, tempo seco ou úmido que faz a alergia atacar.

“Uma reação puramente física, de simples ação e reação. Ao primeiro contato do organismo sensível com o agente causal as células tipo T reagem. Porém nos seguintes contatos com estes estímulos, as reações do organismo podem ficar cada vez mais intensas. Muitas vezes até mesmo violentas”, revela a doutora.

Você é a soma dos seus ancestrais

flores-para-pessoas-alergicas-dicas-e-cuidados-com-polen-5

Para a doutora a capacidade de reação pode depender de cada organismo, e essas reações são baseadas no seu código familiar, de quanto herdou de história familiar de caráter alérgico e como seus ascendentes viveram, se alimentaram ou de como foram tratados, se é que foram.

A doutora Ana Lucia explica que algumas doenças existentes no mundo afora, como Tuberculose ou a sífilis, que fizeram muitas vítimas no século XVIII, podem ser tomadas como base na transmissão de um caráter alérgico de maior ou menor grau no individuo, em pelo menos 4 gerações seguintes a ele.

Homeopatia e as Alergias

Sendo assim, a doutora aconselha, que atitudes puramente externas, como exterminar bichinhos de pelúcia, tapetes, cortinas do quarto da pessoa alérgica podem surtir efeito, mas que são efeitos temporários, assim como retirar da alimentação os agentes causadores da reação, no caso de alergias alimentares.

“A homeopatia, é uma ciência médica que visa analisar o indivíduo como um todo, suas características físicas e principalmente as emocionais, como as possíveis causas da reação exacerbada do organismo e não apenas os transtornos patológicos isoladamente que o afetam. Ela é perfeitamente ajustada e indicada aos transtornos alérgicos das diferentes naturezas, sejam externas como as manifestações alérgicas na pele, cujo entendimento homeopático é bem mais amplo que na medicina clássica, bem como nas manifestações mais internas como as bronquites, gripes, sinusites e otites de repetição e as de ordem digestiva como as gastrites ou até mesmo as da síndrome do cólon irritável”, explica detalhadamente Dra. Ana Lucia.

29 de Agosto – Dia Nacional de Combate ao Fumo

O cigarro fez mais de 100 milhões de vítimas fatais no século XX. Mais de 200 mil mortes por ano são consequências desse hábito nefasto só no Brasil. Estima-se que no século XXI as mortes relacionadas ao uso do cigarro subirão para mais de um bilhão em todo o mundo. Sem falar nas incontáveis doenças que não tiram a vida, mas não deixam viver. Conheça mais alguns bons motivos para deixar de fumar

036

O INCA (Instituto Nacional de Combate ao Câncer) elegeu o dia 29 de agosto para marcar como Dia Nacional de Combate ao Fumo. Esse ano a instituição escolheu como tema da campanha que marca a data a conscientização sobre os males do fumo passivo.

Um número incontável de vítimas de doenças respiratórias e cardiovasculares é em decorrência do fumo passivo. Segundo um estudo divulgado no último mês, por pesquisadores da Universidade de York, no Reino Unido, não fumantes podem adquirir problemas de saúde e até câncer devido às partículas de fumaça de tabaco no ambiente. Segundo Daniel Knupp, Vice Presidente da Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, as descobertas desse estudo demandam campanhas específicas.

“Hoje, a imagem geral do fumo na sociedade é mais negativa. Mesmo os não fumantes têm conhecimento da dimensão do malefício do cigarro no convívio com o fumante, mas não uma dimensão clara da magnitude desse risco. É importante que os não fumantes tenham ciência de que a incidência de certas doenças pode ser tão elevada para eles quanto para o próprio fumante e tenham autonomia para cobrar o direito de um ambiente livre de tabaco”, disse Knupp.

Sem-título

Cigarro e os números

– O tabagismo é considerado a principal causa de morte evitável em todo o mundo;

– É responsável por cinco milhões de mortes ao ano no mundo, o que corresponde a mais de 10 mil mortes por dia;

– No mundo 1 bilhão e 200 milhões de pessoas são fumantes

– Entre esses, apenas 200 milhões são mulheres;

– Cem milhões de mortes foram causadas pelo tabaco no século XX;

– Estima-se que no século XXI esse número seja 10 vezes maior, chegando a um bilhão;

– Metade dessas mortes será em fumantes em idade produtiva, ente 35 e 69 anos;

– No início dos anos 1990, no Brasil, 35% da população brasileira com mais de 15 anos era fumante. Esse indicie baixou para 16,4% em 2007;

– Pesquisas comprovam que aproximadamente 47% de toda a população mundial masculina e 12% da população feminina no mundo fumam;

– O tabaco é a segunda droga mais consumida entre os jovens, no mundo e no Brasil, e isso se deve às facilidades e estímulos para obtenção do produto, entre eles o baixo custo, a curiosidade pelo produto estimulada pela imitação do comportamento do adulto e a promoção e o marketing de produtos derivados do tabaco;

– Noventa por cento dos fumantes iniciaram seu consumo antes dos 19 anos de idade, faixa em que o indivíduo ainda se encontra na fase de construção de sua personalidade;

– O fumante é um dependente químico e está sujeito a mais de 2.450 doenças

– O tabagismo é diretamente responsável por 90% das mortes por câncer de pulmão, 25% das mortes por doença coronariana, 85% das mortes por doença pulmonar obstrutiva crônica e 25% das mortes por doença cerebrovascular;