Tag Archives: estresse

Cobertor que reduz a ansiedade e o estresse

Todos nós já ouvimos falar sobre a importância de uma boa noite de sono, o quanto uma noite de sono de qualidade auxilia na saúde e bem-estar de nosso corpo. A falta de sono faz com que não rendemos tão bem durante o dia, atrapalha o nosso humor, dentre outras coisas que acabam por minar a nossa saúde mental e física.

Quem não gostaria de ter um coberto que promete reduzir a ansiedade, o estresse e ainda melhorar a qualidade do sono? Principalmente aqueles que sofrem por causa da insônia. Pois bem, esse cobertor existe e pretende ser a solução para quem tem uma vida muito agitada e por isso sente dificuldades para relaxar e dormir.

John Fiorentino um designer americano foi quem desenvolveu o produto, batizado de Gravity o coberto possui propriedades terapêuticas, e precisa ter um peso equivalente a 10% do peso de seu usuário, essa característica é fundamental porque isso permite uma leve compressão em regiões estratégicas do corpo. Já que a pessoa precisa se sentir envolvida pelo cobertor.

Fiorentino explica ainda que o peso do coberto sobre o corpo aumenta a quantidade de seratonina e melatonina no organismo, além de diminuir os níveis de cortisol, essas qualidades do produto faz com que a pessoa relaxe e pegue no sono mais rápido.

O Gravity está disponível em três opções de tamanho: para pessoas que pesam de 45 a 69 kilos, de 70 a 90 kilos e para pessoas que pesam acima de 90 kilos.

Como ainda é um projeto o Gravity está sendo comercializado somente numa plataforma de financiamento coletivo, o KickStarter, ele pode ser adquirido por um valor a partir de 169 dolares, mais despesas de envio.

O Blog Homeopatia e Saúde, um espaço informativo da Clínica Similia Homeopatia de qualidade em São Paulo – próximo da Av. Paulista, filiada ao Dr. Ariovaldo Ribeiro e a Dra. Ana Lucia Dias Paulo, com o propósito de informar trouxe este artigo até você, para mais informações acesse o link: https://goo.gl/Wg5h5M

 

TAGS: Cobertor, Ansiedade, Estresse, Bem-estar, Insônia

Dor de cabeça

Não existe no mundo nenhuma pessoa que nunca tenha tido sequer uma dor de cabeça. A dor mais comum, tem também inúmeros motivos para aparecer. E quase tudo que fazemos pode proporcionar dor de cabeça. Estresse, fome ou excesso de alimentação, sede, ressaca, falta de sono, excesso de sol, e mais uma infinidade de motivos podem causar uma dor esporádica de cabeça. O Blog Homeopatia e Saúde, uma publicação da Clínica Similia – Homeopatia de qualidade em São Paulo – Região da Av. Paulista, pesquisou sobre o tema e conversou com o Dr. Ariovaldo Ribeiro Filho para contar para vocês o que fazer quando essa dor aparecer.

A dor de cabeça pode ser crônica, e aparecer sistematicamente, constantemente. Nesse caso, conforme explica Dr. Ariovaldo, é importante a intervenção médica, para investigar o motivo. “Enxaqueca, uma dor constante deve ser investigada. O paciente vai contar ao médico sempre o que estava fazendo, ou os acontecimentos cotidianos em torno da dor. O médico vai buscar descobrir ai a causa, para, somente ai, buscar um medicamento que possa auxiliar”, explica o médico homeopata e presidente da AMHB – Associação Médica Homeopática Brasileira.

Porém, como explicar, a dor de cabeça esporádica. Este tipo de dor pode aparecer por uma série de razões, e normalmente nós mesmos conseguimos essas razões, bastando para isso, observar em nossas atitudes e no que passamos no dia a dia o que desencadeia os sintomas. Nesses casos, segundo Dr. Ariovaldo, a homeopatia não recomenda o uso de medicamentos de imediato. “Se o paciente sofre com dores de cabeça esporádicas, ao conversar com o médico, uma recomendação de dieta especial, algum chá ou até mesmo repouso pode resolver o problema”, explica o médico.

Vale lembrar que ao sentir uma leve dor de cabeça, procure avaliar alguns pontos, antes de recorrer ao uso de medicamento:

  • Você está hidratado? Qual foi a quantidade de água que ingeriu no dia?
  • Você está com fome? Veja se a alimentação que você consumiu foi suficiente, ou correta.
  • Você está com sono? Dormiu o suficiente ou se cansou demais ao longo do dia?
  • Você está estressado? O dia foi puxado ou algo aconteceu que te tirou do seu prumo?
  • E por último, apenas para mulheres, você está próxima de menstruar? Um dos sintomas da TPM é dor de cabeça

O Blog Homeopatia e Saúde recomenda sempre que se procure um médico homeopata de confiança e o visite regularmente para que seu tratamento possa ter bons resultados.


dr-ariovaldo

Dr. Ariovaldo Ribeiro Filho

Graduação em Medicina em 1983 pela UNIFESP – CRM/SP 47385 – RQE 11125.

Exercício profissional da medicina em clínica médica e pediátrica desde 1984.

Especialista em Homeopatia e Acupuntura pela Associação Médica Homeopática Brasileira (AMHB) em convênio com a AMB e CFM.

Presidente da Associação Médica Homeopática Brasileira (AMHB).

Presidente da Associação Paulista de Homeopatia (APH – 2002/2005 e 2005/2008).

Diretor científico do Curso de Pós-Graduação Lato-Sensu em Homeopatia da Alpha-APH (www.especializacaohomeopatia.com.br).

Presidente do XXIX CONGRESSO BRASILEIRO DE HOMEOPATIA (Hotel Maksoud Plaza – São Paulo/SP – 09/2008).

Professor convidado de diversas associações e instituições nacionais e internacionais de ensino da Homeopatia, bem como, conferencista em inúmeros eventos relacionados (congressos, jornadas, cursos, seminários etc.).

Autor dos livros Repertório de Homeopatia, Repertório de Homeopatia Pediátrica, Repertório de Sintomas Homeopáticos (6ª ed.), Repertório Homeopático Digital (publicação eletrônica, 4ª ed.), Repertório de Sintomas-chave em Pediatria Homeopática e Conhecendo o Repertório e a Semiologia Homeopática. Possui também inúmeros artigos e colaborações em livros e publicações científicas.

Reclamar faz mal à saúde

O Blog Homeopatia e Saúde, uma publicação da Clínica Similia – Homeopatia de qualidade em São Paulo – Região da Av. Paulista, vinculada ao Dr. Ariovaldo Ribeiro Filho e a Dra. Ana Lucia Dias Paulo, selecionou um texto do portal “Minha Vida”, que comenta um estudo interessante: reclamar pode sim fazer mal à saúde.

Segundo o texto, ao reclamarmos, nosso organismo produz mais cortisol, o hormônio do estresse. Isso altera a pressão arterial e enfraquece o sistema imunológico.

Do mesmo jeito que a felicidade faz bem à saúde, o oposto, ou seja, pessoas infelizes, que só reclamam, dentem a ter a saúde mais fraca.

<< Leia O Segredo da Felicidade >>

Segundo o texto afirma, hábitos reestruturam o cérebro. Se esses hábitos forem de negativos, como reclamar, facilitam o surgimento de novos pensamentos ruins no futuro, de forma aleatória. Inclusive, reclamar demais enfraquece o sistema imunológico, provocando o aumento da pressão arterial.

Leia o texto na íntegra: https://goo.gl/H5gTlb

Chefe ruim pode adoecer funcionários

Segundo artigo publicado pelo médico e escritor Travis Bradberry no seu perfil da rede social profissional Linkedin, um chefe ruim pode fazer tão mal para a saúde dos seus funcionários, quanto fumar passivamente.

O texto, garimpado pela equipe do Blog Homeopatia e Saúde, uma publicação da Clínica Similia – Homeopatia de qualidade em São Paulo – Região da Av. Paulista, vinculada ao Dr. Ariovaldo Ribeiro Filho e a Dra. Ana Lucia Dias Paulo, afirma que quanto mais tempo uma pessoa passa trabalhando para alguém que a deixa infeliz, maiores serão os danos para sua saúde física e mental.

Leia também “O segredo para felicidade”

O artigo foi compartilhado e traduzido pela jornalista Ana Colombia. Segundo o que ela afirma, dados levantados pela associação de psicologia dos Estados Unidos revelam que 75% dos trabalhadores americanos consideram seus chefes a maior razão de estresse no trabalho, porém, 59% dessas pessoas não largariam o emprego, mesmo infelizes.

Segundo o texto discorre, é importante saber diferenciar um chefe ruim de um problema de afinidade com essa pessoa. Para isso, vale observar essas dicas: chefes ruins são normalmente, verbalmente agressivos, narcisistas e até violentos em alguns casos. Frases de auto afirmação e diminuição do subalterno também são comuns para chefes ruins. Do tipo “Aqui nada funciona se eu não estiver por perto!”, “Nós sempre fizemos assim!” ou “Agradeça que você tem um emprego.”

Leia a matéria na íntegra: https://goo.gl/nf3CH3

Estresse – Saiba o que causa e como enfrentá-lo

estresse similia homeopatia_1Atualmente é difícil não ouvir em algum momento a palavra “estresse” – quando não o sentimos, estamos em contato constantemente com pessoas que passam por essa sensação tão inerente à vida moderna. Com o intuito de trazer mais informações sobre esse estado tão comum nos dias atuais, o Blog Homeopatia e Saúde e os doutores Ariovaldo Ribeiro Filho e a Ana Lúcia Dias Paulo, da Clínica Similia, selecionaram dados para que você entenda melhor esse assunto.

Por que nos estressamos?

Ao longo do dia, várias situações podem despertar essa irritabilidade: a falta de fluidez no trânsito, desemprego ou falta de estabilidade no trabalho, medo da violência que nos cerca, entre outros fatores. Tenha ciência que: o estresse não é ruim em sua essência, uma vez que funciona como importante ferramenta de manutenção da nossa vida.

É muito comum usarmos essa expressão ao passarmos por um dia muito atarefado, com muitos compromissos ou quando estamos lidando com muita responsabilidade.

Mas você sabe, de fato, o que é o estresse?

Este estado é consequência de um mecanismo fisiológico responsável pela sobrevivência do homem e também dos animais ao longo dos anos.

Isso porque nossos ancestrais, quando se deparavam com alguma situação de perigo, precisavam reagir rapidamente. Correndo para se esconder ou enfrentando. Independente da escolha, isso ocasiona alguns reflexos: há uma aceleração nos batimentos cardíacos, uma vez que se torna necessário mais sangue ser bombeado para o organismo. Os músculos requerem mais energia e também ocorre aumento da pressão arterial e do ritmo da respiração.

Como isso se aplica nos dias atuais?

Os tempos mudaram e também os problemas enfrentados – mas não deixamos de enfrentar situações de risco no dia a dia. Essa reação se dá diante de pressões do cotidiano frente ao trabalho, por exemplo. O estresse continua sendo uma resposta do nosso corpo em uma situação de perigo. As reações podem ser externas, internas, agudas ou crônicas.

estresse similia homeopatiaExternas: se verifica por meio de condições físicas, como por exemplo sentir dor, sensação de frio ou calor intensa. Mudanças que exigem uma adaptação relativamente rápida, como um divórcio, a chegada de um filho, alteração profissional, perder pessoas próximas, entre outros.

Internas: gera igualmente reações físicas e psicológicas e são desencadeadas pela própria pessoa, como exigir muito de si mesma, ser perfeccionista, assumir muitos compromissos, etc.

Agudo: se manifesta imediatamente diante de uma situação que pode ser considerada de perigo.

Crônica: se exposto frequentemente a momentos de risco que despertam essa sensação, a pessoa pode desenvolver estresse crônico. Esse caso pode ser desencadeado pela pressão do trabalho, problemas financeiros, insegurança ou solidão e problemas no relacionamento são alguns exemplos.

Conheça os sintomas

Não pense que o estresse só desencadeia um lado negativo para o organismo: quando aplicado em algumas atividades, pode aumentar a capacidade física, favorecer o raciocínio, o poder de concentração e a memória. No entanto, os efeitos negativos merecem atenção, principalmente porque ninguém fica doente do estresse em um curto período, mas a partir do acúmulo de situações. Quem dá a resposta que as coisas não vão bem é o próprio corpo:

– Além da alteração no sono, o indivíduo passa a ter uma sensação constante de desgaste;

– Isso gera consequentemente uma alteração de humor;

– Há tensão muscular, problemas de pele e formigamento em alguma parte do corpo;

– Ansiedade, depressão e perder o interesse por atividades antes cotidianas;

– Atente-se ao seu apetite: se diminuiu ou aumentou;

– Uma pessoa com estresse crônico apresenta problemas de memória, atenção e concentração;

– Afora a elevação da pressão arterial, situações constantes de estresse oferecem maior risco de derrame e uma diminuição na imunidade, o que pode facilitar a aparição de infecções ou doenças.

– Pode haver distúrbios gastrointestinais, e a pessoa ter diarreia ou constipação.

estresse similia homeopatia_2

 

Saiba como lidar com o estresse

O blog Homeopatia e Saúde reuniu informações para você que quer combater os sintomas e consequências do estresse. Leve em consideração que para enfrentar esse problema, inúmeros fatores devem estar associados para uma melhor eficácia. Outra dica primordial do Dr. Ariovaldo Ribeiro Filho e a Dra. Ana Lúcia Dias Paulo é a procura por um acompanhamento profissional de um médico ou psicólogo para melhor identificar o grau de estresse, as manifestações físicas e então indicar um melhor tratamento.

Mantenha uma dieta balanceada e dê preferência a alimentos saudáveis. Evite o uso frequente do álcool, cigarro e café. Mantenha uma rotina de exercícios: esta é uma potente ferramenta para te distrair e liberar endorfina, responsável pela sensação de bem-estar. Busque técnicas de relaxamento através da respiração, meditação ou massagem. Não esqueça de reservar momentos de lazer. Manter o senso de humor para lidar com as situações do cotidiano também é um instrumento a ser considerado, pois dar risada auxilia no alívio da tensão.