Tag Archives: AlimentosFuncionais

Alimentos que Curam

Alguns alimentos possuem poderes milagrosos no organismo. Ajudam a controlar uma inflamação, diminuem a dor, são diuréticos, controlar a insulina e até mesmo mudam o humor. No texto de hoje do Blog Homeopatia e Saúde vamos conhecer o poder dos alimentos para cura. Leia e informe-se sobre esses alimentos, mas não deixe de procurar um médico de sua confiança para saber se o consumo se aplica à sua necessidade.

Comprovado pela ciência, o que comemos interfere, e muito, como nossa saúde, seja para ruim, como gorduras, frituras, açúcares e produtos industrializados, ou para bom, como é o caso dos alimentos que vamos falar a seguir. Cada um tem um poder no nosso organismo. E uma alimentação balanceada pode ser o sucesso da sua saúde. Fique de olho nas dicas.

 

Açafrão

hqdefaultEste membro extraordinário da família do gengibre tem sido apelidado de “rei de todas as especiarias” por uma boa razão: traz benefícios para a saúde a curto e longo prazo. Oferece suporte para a saúde dos ossos, pele, articulações, sistema digestivo, imunológico, circulatório e neurológico. A cúrcuma é praticamente inigualável em relação a prover alívio imediato e perpétuo para uma variedade de doenças. Já foi verificado inclusive que ajuda a prevenir e tratar o câncer.

Além disso, uma extensa pesquisa nos últimos cinco décadas indicou que a curcumina (o ingrediente ativo do açafrão) reduz os níveis de colesterol no sangue, previne a oxidação de lipoproteína de baixa densidade, inibe a agregação plaquetária, suprime trombose e infarto do miocárdio, suprime os sintomas associados à diabetes tipo II, artrite reumatóide, esclerose múltipla e doença de Alzheimer; inibe a replicação do HIV, suprime a formação de tumores, melhora a cicatrização de feridas, protege contra a lesão do fígado, aumenta a secreção biliar, protege contra a formação de cataratas, e protege contra a toxicidade pulmonar e fibrose.

 

Quinoa

quinoa_16235_34547Esse grão apresenta grande quantidade de fibras, e por isso ajuda a reduzir a chamada resistência à insulina, que ocorre quando esse hormônio não consegue cumprir bem o seu papel de colocar a glicose dentro das células, precisando que sua produção pelo pâncreas seja aumentada. Se esse processo continuar ocorrendo no corpo a longo prazo, pode evoluir para o diabetes do tipo 2. A boa quantidade de fibras também ajuda no funcionamento do intestino e do sistema imunológico. A quinoa tem alta concentração de triptofano, precursor do neurotransmissor serotonina, que traz bem-estar.

Mas atenção, a quinoa também é rica em carboidratos. Se consumida em excesso pode gerar sobrepeso e gordura localizada.

Beterraba

download (1)Um estudo realizado na Universidade Wake Forest (EUA) em 2011 verificou que idosos que consumiam suco de beterraba tinham menores riscos de doenças cerebrais. Isso porque o nitrato, nutriente abundante nesse vegetal, melhora a circulação sanguínea, incluída a do cérebro, levando mais nutrientes ao lobo frontal, parte ligada à memória e habilidades cognitivas. O suco pode ajudar a prevenir ou ao menos adiar a degeneração dessas funções comuns com o avançar da idade. Não há evidência de cura, mas o alimento colabora para a melhor saúde mental. É um bom alimento também para evitar a pressão alta, além de auxiliar no rendimento de esportistas.

Cranberry

cranberry_400mg_preco_imperdivel_1Essa fruta, comum na América do Norte é eficaz nos quadros de infecção urinária. Isso porque se acredita que o nutriente proantocianidina, contido no alimento, impede que a bactéria que mais causa esse tipo de problema seja capaz de aderir ao tecido do trato urinário. O suco também tem esse efeito. Pesquisas feitas na University of Stirling e National Taiwan University Hospital, em 2012, mostram que o seu consumo afasta diversos tipos de infecções, evitando assim a ingestão de altas doses de antibióticos.

Espinafre

409Quem acha que só a cenoura faz bem para a vista está enganado. Vegetais de folhas verdes escuras são ricos em luteína e zeaxantina, compostos que fazem bem à saúde dos olhos. Elas formam um pigmento amarelo-alaranjado no globo ocular, protegendo-o da luz azul, maléfica para essa estrutura do nosso corpo. Uma pesquisa feita pelo Instituto Nacional de Saúde (EUA) indica que há uma redução de 43% da doença macular degenerativa relacionado à idade em pessoas que ingerem esses dois carotenoides de 4 a 5 vezes por semana. É um alimento também rico em nitritos, e por isso auxilia na redução da pressão arterial, como será explicado abaixo, em Cacau. Além de rico em vitamina A, outro carotenoide.
Mas atenção, o espinafre contém oxalatos, e se for consumido em excesso pode inibir a absorção de cálcio assim como interferir negativamente na saúde renal.

Cebola

download (2)A cebola contém quercetina, cujas propriedades diminuem o nível de histaminas no corpo, compostos que causam inflamações dos brônquios e dificultam a respiração. Um estudo da Universidade de Nutrição de Norwich (Reino Unido), publicado em 2012, mostra todos os mecanismos desse nutriente, que incluem a inibição de substâncias inflamatórias. A quercetina é um dos vários flavonoides contidos nesse bulbo, itens que auxiliam o sistema imunológico, assim como a vitamina C. Para finalizar, ela também depura o sangue e o fígado de substâncias prejudiciais, fazendo uma limpeza completa. Não é recomendada a quem tem acidez estomacal.

Cacau

Chocolate_Prawer_CacauO principal ingrediente do chocolate é um aliado da pressão arterial, pois seus flavonoides produzem ácido nítrico, que relaxa as paredes das veias. Isso colabora para a prevenção de doenças cardíacas e também vasculares como o AVC. Ele protege o intestino de problemas causados pela oxidação (câncer de cólon) causada por substâncias químicas. As fibras também seguram a absorção da glicose e do colesterol e ajudam na digestão, contribuindo indiretamente para o sistema imunológico, já que 60% de nossos anticorpos são produzidos nesse órgão do corpo. Mas use com parcimônia, pois muito cacau pode eliminar o cálcio do organismo e engordar, já que tem uma quantidade alta de lipídios. A indicação é a de que podem ser consumidas cerca de 3 gramas diárias, de preferência os com mais cacau, e menos açúcar.

 

Amêndoas.

download (3)Com um excelente valor nutricional, as amêndoas são uma potência de nutrição podendo fornecer alívio imediato e duradouro da dor e de outras condições. Sendo uma rica fonte de potássio, magnésio, cálcio, fósforo, vitamina E e ferro, as amêndoas ajudam a regular os níveis de colesterol, pressão arterial e promover uma perda de peso saudável. Comer um punhado de amêndoas cruas todos os dias pode não só ajudar a evitar problemas de saúde a longo prazo, como doença cardíaca, mas também proporcionar alívio imediato para desconforto digestivo, inflamação e até mesmo dores de cabeça.

 

Camu Camu

download (4)Encontrado em algumas regiões do Brasil, o camu camu é um alimento fenomenal, e talvez seja um dos frutos mais ricos em nutrientes que existe. Com cerca de 50 vezes mais vitamina C do que a laranja, o camu camu fornece proteção sólida para o sistema nervoso central, que é responsável por regular a função do cérebro, olhos, pulmões, músculos e coração. Comer regularmente o camu camu pode também ajudar a evitar o desenvolvimento de demência e proteger o organismo contra infecções bacterianas e virais.

 

Água

imagesComo já falamos anteriormente, no texto “Água é vida“, a água é essencial para a saúde. Porque o seu corpo está sendo constantemente bombardeado com produtos químicos tóxicos, tanto de fontes ambientais como de alimentos, água pura e limpa é essencial para a manutenção de um ecossistema saudável interno. Muitos problemas comuns de saúde são agravados e até mesmo causados por desidratação, e, potencialmente, milhões de pessoas desnecessariamente tomam medicamentos devido à problemas resultantes da falta de água pura, livre de flúor. Portanto, beba mais água, e ajude você mesmo ter uma vida mais saudável e livre de doenças.

 

Vegetais Crucíferos

03cf3-brassicasBrócolis, couve-flor, rabanete, couve de bruxelas, couve e vários outros alimentos da família dos vegetais crucíferos, são alimentos ricos em enxofre, que ajuda a combater a inflamação sistêmica, que é a principal causa de doenças crônicas atualmente. O consumo regular de vegetais crucíferos, que também contém altos níveis de um nutriente anticancerígeno conhecido como sulforafano, pode ajudar a desintoxicar o seu trato gastrointestinal e promover o crescimento e reparação dos tecidos corporais.

 

Alho

download (5)Os benefícios à saúde trazidos pelo alho são numerosos, razão pela qual esta erva tão comum é considerada uma das mais benéficas para a promoção da saúde e do bem-estar. Rico em um composto medicinal conhecido como alicina, o alho tem o potencial de revolucionar a sua saúde, já que pode ajudar a prevenir gripes e resfriados, atua como anti-inflamatório, pode reduzir o risco de câncer, entre muitos outros benefícios. Alho fresco é especialmente benéfico o para bem-estar, uma vez que contém os mais altos níveis de alicina terapêutic

 

Mel

pote-de-mel-com-flores-dieta-cruaO mel é um doce milagre da natureza. Você sabia que em apenas uma busca por néctar, as abelhas podem visitar até 100 flores num raio de 15 km? Além de ser delicioso, é possível que o mel seja o remédio caseiro mais antigo do mundo: existem registros escritos sobre o mel com mais de 7 mil anos, e dos 900 remédios conhecidos do Egito antigo, nada menos que 500 continham mel em sua formulação.

Entre os principais usos medicinais do mel estão preparações destinadas ao alívio dos sintomas de gripes e resfriados, tosse e dor de garganta, que exploram sua textura viscosa e suas propriedades antibióticas naturais. Além disso, o mel também é utilizado para o tratamento de pequenos cortes, arranhões e feridas. Isso porque o alto teor de açúcares que ele contém retira a umidade das feridas, deixando as bactérias sem a umidade necessária para a sua sobrevivência e ainda bloqueia a entrada de contaminantes externos, ajudando as feridas a cicatrizar mais rápido.

 

Leite – Qual o mais adequado à sua dieta?

Dos vários tipos de leite existentes no mercado, entenda quais as vantagens e desvantagens de cada um e escolha o que melhor atender às necessidades da sua dieta:

 

Leite integral

Fuja desse tipo de leite, principalmente se você faz dieta para perda de peso. Isso porque ele é rico em gordura, principalmente saturada. Apesar disso, é o tipo de leite mais consumido no mundo. Pode ser encontrado nos tipos A, B ou C, e essas nomenclaturas referem-se à quantidade de gordura encontrada nele.

Tipo A – possui o menor teor de micro-organismo, recomenda-se o consumo em até 5 dias após embalado.

Tipo B – tem uma maior quantidade de micro-organismo, recomenda-se o consumo em até 3 dias.

Tipo C – É o que apresenta maior teor de bactérias após a pasteurização. Recomenda-se o consumo em no máximo dois dias após embalar.

*Esses prazos para consumo não são válidos para leite longa vida, onde se deve observar as instruções da embalagem.

leite homeopatia

 

Semidesnatado

É ideal para dietas de baixa caloria, pois mantêm a mesma quantidade de proteínas e cálcio, mas com apenas 50% de gordura. Indicado como uma opção saudável para adultos que necessitam perder peso.

 

Desnatado

Por ter 100% de redução de gordura em comparação ao leite integral é indicado para pessoas que sofrem com colesterol alto. Para dietas para perda de peso, vale lembrar que a ingestão desse tipo de leite pode deixar as pessoas com fome  e, assim, suscetível à ingestão de guloseimas sem necessidade.

 

Leite de Quinoa

Rico em aminoácidos, o leite de quinoa contém valores nutritivos semelhantes ao leite comum.

Entre todos os cereais, a quinoa apresenta o maior teor de proteínas, além de conter aminoácidos não produzidos pelo organismo e que precisam ser ingeridos.

 

Leite de Soja

Opção mais indicada para quem sofre de intolerância à lactose, o leite de soja apresenta elevado valor nutricional e é rico em proteínas. Também é a opção mais consumida por quem é adepto da dieta vegana.

Além de apresentar baixo teor de gordura saturada quando comparado ao leite comum integral, o extrato de soja pode ser benéfico para reduzir os riscos de câncer de mama, doenças cardiovasculares e osteoporose.

 

Leite de Arroz

Rico em carboidratos, possui até 17g num copo, mas com baixo teor de gorduras, o leite de arroz não possui proteínas, tornando-se uma opção saudável de bebida para veganos e intolerantes à lactose. Convém ficar atento ao consumo, pois a versão de leite de arroz possui menor teor de vitaminas e maior índice glicêmico.

leite

Leite de Amêndoas

Este leite, feito através da mistura de amêndoas moídas com água, tem sabor mais agradável que o leite normal, não possui lactose e tem taxas muito baixas de calorias, carboidratos e gordura.

Como as amêndoas são naturalmente muito nutritivas, o leite de amêndoa não precisa ser fortificado.

 

Leite de Aveia

Aveia é uma fibra solúvel, e por isso ajuda a diminuir a absorção de açúcar e gordura no nosso intestino. Uma ótima pedida para dietas hipocalóricas pois ajuda na perda de peso, e também uma opção vegana.

Receita de leite de aveia:

1. Durante uma hora, deixe a aveia de molho em um recipiente com água.

2. Adicione uma colher de chá de extrato de baunilha e açúcar, se necessário.

3. Bata a mistura no liquidificador, coe com um pano fino e leve a geladeira.

O prazo de validade em refrigeração é de aproximadamente três dias.

Tabela Nutricional

 

Além do peso

ATUANDO COM PRINCÍPIOS SEMELHANTES AOS DA HOMEOPATIA, A NUTRIÇÃO FUNCIONAL AGE MUITO ALÉM DA PERDA  E MANUTENÇÃO DE PESO

nutricao funcional 2

Uma refeição baseada na combinação de arroz com feijão, bife e salada é apontada como “a preferida” dos brasileiros e bastante saudável. De maneira geral essa afirmação está correta, mas… Algumas pessoas podem produzir gases em excesso ao consumir feijão; outras sofrem com a indigestão ao consumir carne vermelha. Assim, o que serve para determinada pessoa pode afetar negativamente a pessoa ao lado. Mas como saber a combinação mais indicada para a manutenção da sua saúde? Com o auxílio de um nutricionista funcional.

Dieta básica

“Não existe uma dieta básica que possa ser recomendada a todas as pessoas”, assegura a especialista Dafne Oliveira, do Instituto de Prevenção Personalizada. Ela explica que a nutrição funcional é uma área que analisa os sintomas, sinais e características de cada paciente e os relaciona com a carência ou excesso dos nutrientes, corrigindo os desequilíbrios nutricionais que geram sobrecarga ao corpo com a restrição de alimentos ou com a entrada de novos ingredientes e combinações no cardápio.

“Em alguns casos, a perda de peso é consequência desse processo, mas não é o objetivo da nossa atuação”, esclarece. Dafne conta que a meta é “atingir o equilíbrio” e, para isso, a nutrição funcional age de maneira semelhante à homeopatia, considerando os sintomas e agindo com eles, e não contra eles. Assim, a ingestão correta de alimentos (e a melhor combinação entre eles), nutrientes específicos e, em alguns casos, medicamentos fitoterápicos, é possível restaurar as deficiências orgânicas que originam dores de cabeça, retenção de líquidos, problemas de digestão, dores de estômago, dermatites e outras doenças.

nutricao-funcional 4

Para usuários de medicamentos homeopáticos, a nutricionista lembra que não há prejuízos para o tratamento, mesmo quando existe a necessidade do consumo dos fitoterápicos: “um não corta o efeito do outro, eles trabalham em conjunto”, lembra ela, ressaltando que o estresse e ansiedade são o maiores fatores de desequilíbrio para o organismo. “Muitas vezes, as pessoas com estresse e ansiedade demoram mais para responder à homeopatia e à dieta funcional. Nesses casos, é necessário usar os fitoterápicos, pois eles são semelhantes aos medicamentos homeopáticos mas com um dose mais alta dos princípios ativos”, pontua.

Alimentos recomendados

“A nutrição funcional se baseia nas necessidades de cada indivíduo”, ressalta Dafne, dizendo que não há alimentos totalmente recomendados ou desaconselhados. O suco verde é um exemplo. “Apesar de recomendar a ingestão para 95% das pessoas que atendo o suco verde não é bom para quem tem problemas de tireóide”, garante.

Glúten e lactose são dois elementos apresentados como vilões que nem sempre são retirados da dieta. “Apesar de causarem sobrecarga no corpo da maioria das pessoas, há aqueles que os digerem bem, então não precisam excluir da alimentação”, alerta.

nutricao funcional

Mas alguns alimentos são, realmente, mais favoráveis ao equilíbrio do organismo humano: sardinha, castanhas, lentilha e batata doce, entre eles. Dafne lembra que é necessário prestar atenção à forma de preparo: o ideal é consumi-los cozidos ou assados – pois a forma “grelhada” pode conter substâncias cancerígenas. “Os grelhados e, até mesmo, o churrasco não são recomendados, pois são assados ‘a seco’, o que faz os alimentos perderem muitos nutrientes”, informa a nutricionista. “No caso do churrasco é ainda pior, pois além do alimento estar em contato com a grelha há o carvão, que pode liberar outras substâncias cancerígenas”, pontua.

Assim, é sempre bom estar atento aos sinais que o corpo emite. E, em caso de necessidade, buscar o auxílio de um profissional que possa auxiliá-lo a retomar o equilíbrio. Uma alimentação saudável garante, além do peso ideal, muito mais vitalidade e saúde! Afinal, o alimento é o melhor remédio.

Aproveite as frutas da Estação!

No outono as folhas caem, o clima muda, com dias mais curtose noites mais frias. A umidade do ar diminui. Há mais neblina no início da manhã. Além de afetar o nosso guarda-roupas, o clima também afeta nossa dieta. Comidas especiais, sopas e frutas de época são mais consumidas. Selecionamos algumas frutas que são facilmente encontradas nessa época do ano, para ajuda-los na hora de escolher a melhor opção no mercado.

Abacaxi

pineapplejpg

Quase o ano inteiro é possível achar abacaxi nas feiras e mercados, e no outono não é diferente. Indicada para ajudar a regular o colesterol e acelerar a cicatrização, o abacaxi ainda concentra altas taxas de vitamina C, betacaroteno e minerais, o que o torna capaz de melhorar quadros de resfriados, gripes e doenças respiratórias que se alastram mais facilmente nestes meses.

Aproveitamento total: Com as cascas do abacaxi, é possível preparar conservas, doces, sucos e chá, Ao preparar as bebida, troque o açúcar por mel – além de ser natural, a substância tem mais eficácia no tratamento caseiro das indisposições do sistema respiratório.

Mamão

Papaya Solo .jpeg

Rico em fibras, o mamão é um milagroso remédio para o sistema digestivo. regula o funcionamento e previne constipações e prisão de ventre. Também ajuda a manter os ossos fortes e previne a osteoporose, devido às altas concentrações de ácido fólico. Também é sabido que o mamão ajuda no tratamento da sinusite, pois contém bromelina, uma substância que diminui o muco e a inflamação.

Aproveitamento total: Assim como o abacaxi, as cascas do mamão também podem ser utilizadas no preparo de doces.

  Goiaba

download

Branca ou Vermelha, a Goiaba é uma ótima aliada à prevenção de gripes e resfriados, porque tem uma grande concentração de vitamina C, superando em 4 ou 5 vezes os níveis encontrados na laranja. Além de conter fósforo, ferro, vitaminas e sais minerais. Para quem quer largar de fumar, a dica é consumir duas ou três goiabas por dia, pois os altos níveis de vitamina C neutralizam os efeitos da nicotina. Além disso possuí um baixíssimo índice de gordura, não preocupando as pessoas que fazem dieta. Aproveitamento total: Assim como o abacaxi e o mamão, a goiaba pode ser usada na totalidade. Suas cascas, para quem não consome com a fruta, pode dar origem a sucos e até pudins e biscoitos caseiros.

Para saber mais, acesse a tabela completa ou deixe um comentário que responderemos.

 

Alimentos Funcionais

São aqueles que além das funções nutricionais básicas produz efeitos metabólicos, fisiológicos e benéficos ao funcionamento do corpo. Saiba quais são os alimentos que compõem este grupo e turbine sua saúde.

Alimentos funcionais caracterizam-se por oferecer vários benefícios à saúde, além do valor nutritivo inerente à sua composição química, e desempenham papel importantíssimo no combate aos radicais livres e na redução do risco de doenças crônicas degenerativas, como câncer e diabetes, dentre outras.

Os principais alimentos classificados como funcionais são: soja e derivados, cereais integrais (aveia, centeio, cevada, farelo de trigo), tomate, uva, couve-flor e brócolis, linhaça, hortaliças com talo, leite fermentado, entre muitos outros. Incluí-los em sua alimentação é garantia de boa saúde.

Abaixo listamos, os principais benefícios dos alimentos funcionais para o organismo.

Casca de uva, vinho tinto e maçãs – Redução de doenças cardiovasculares e formação de coágulos e inflamações

Soja e derivados – Redução do risco de doenças cardiovasculares, alívio das ondas de calor em mulheres na menopausa

Brócolis, repolho, couve-flor e rabanete – Aumento da atividade de enzimas que combatem a formação de células cancerígenas

Tomate, goiaba e melancia – Atividade antioxidante, redução do risco de doenças cardiovasculares e proteção contra o câncer (especialmente de próstata)

Folhas Verdes – Proteção contra degeneração macular, manutenção de uma boa visão

Linhaça – Inibição de tumores, prevenção de doenças cardiovasculares e controle de doenças  auto-imunes e inflamatórias

Grãos integrais, frutas e vegetais em geral – Melhora na saúde intestinal, redução do risco de câncer de cólon e controle do colesterol e glicemia

Leites fermentados e iogurtes – Melhora da saúde intestinal e redução do risco de câncer de cólon

alimentos-funcionais

Este post é de caráter informativo e educativo. Visite sempre um médico para obter melhores orientações. 

Vai uma vitamina?

Quem já não ouviu a recomendação “toma uma vitamina”? Ela não poderia ser mais acertada! A ingestão de vitaminas, na alimentação ou na forma de comprimidos, é um dos fatores essenciais na manutenção da saúde.

Há 12 tipos especialmente importantes para o nosso organismo: A, as do complexo B,  vitaminas C, D, E, K, Biotina e o Ácido Fólico.

Agora que você já sabe quais são as vitaminas fundamentais para a sua saúde, conheça um pouco mais sobre cada uma delas.

frutas

VITAMINA A (RETINOL)

Favorece o crescimento e é responsável pela manutenção de muitas funções importantes do organismo. Sabe-se que está em falta quando notamos visão deficiente à noite, sensibilidade à luz, redução do olfato e do paladar, ressecamento e infecção na pele e nas mucosas, estresse.

É encontrada nos seguintes alimentos: cenoura, espinafre, batata-doce, couve, alface, ovos, fígado, peixe, queijos gordurosos, leite, manteiga, escarola e salsa.

VITAMINA B (TIAMINA)

Auxilia as células na produção de combustível para que o corpo possa viver. Está sentindo nervosismo, irritação, fadiga, depressão, dores no abdômen e no peito, sensação de agulhadas e queimação nos pés, perda do tato? Pode ser evidência de falta de Tiamina!

Para regularizar, consuma arroz integral, cereais integrais, pão integral, ervilha, nozes, feijão, fígado, rins, carne de porco, peixes e gema dos ovos.

VITAMINA B2 (RIBOFLAVINA)

Protege o sistema nervoso e favorece o metabolismo das gorduras, açúcares e proteínas. Se notar rachaduras nos cantos da boca, estomatite, coceira e ardência nos olhos, sensibilidade excessiva à luz, pele seca, depressão, letargia e histeria aumente a ingestão de cereais em grão, levedura de cerveja, leite, queijo, ovos e fígado.

VITAMINA B3 (NIACINA)

Encontrada no fígado, em aves, nozes, leguminosas, peixes, carnes magras, cereais integrais e enriquecidos, a vitamina B3 protege o fígado, a pele, os tecidos nervosos e o aparelho digestivo. Ajuda a regular a taxa de colesterol no sangue.

Sinais de falta: fadiga, irritabilidade, insônia, dor de cabeça, depressão nervosa, diarréia e dermatite.

VITAMINA B5 (ÁCIDO PANTOTÊNICO)

Fadiga, baixa produção de anticorpos, cãibras musculares, dores e cólicas abdominais, insônia, mal-estar geral podem indicar a deficiência de Ácido Pantotênico, conhecido com Vitamina B5. Encontrada no fígado, em cogumelos cozidos, milho, abacate e carne de galinha, controla a capacidade de resposta do corpo ao estresse. Ajuda no metabolismo das proteínas, gordura e açúcares.

VITAMINA B6 (PIRIDOXINA)

Favorece a respiração das células e ajuda no metabolismo das proteínas.

Sinais de falta: dermatite, anemia, gengivite, feridas na boca e na língua, náusea, nervosismo. É encontrada na carne de porco, vísceras, germe de trigo, aveia, cereais em grão, arroz integral, banana, batata, leguminosas, aveia, aves e atum.

VITAMINA B12 (COBALAMINA)

Essencial ao sangue e ao funcionamento do sistema nervoso, a Cobalamina, ou vitamina B12, é encontrada em: leguminosas, cereais integrais, fígado, carne de porco, peixes, leite e derivados. Anemia, fraqueza, palidez, tonturas, depressão e diarréia são indícios de sua falta no organismo.

VITAMINA C (ÁCIDO ASCÓRBICO)

Encontrada na laranja e acerola, no limão, abacaxi, mamão, manga, caju, pimentão e nas verduras, a Vitamina C previne gripes, fadiga, fraqueza muscular e infecções. Ajuda o sistema imunológico e a respiração celular, estimula as glândulas supra-renais e protege os vasos sangüíneos.

Você pode perceber que ela está em falta quando aparecem feridas que demoram a cicatrizar, hemorragia, dentes moles, perda de peso, dores nas juntas, gengivas inflamadas.

VITAMINA D (CALCIFEROL)

A vitamina D, ou Calciferol, fixa o cálcio e o fósforo nos ossos. É encontrada em alimentos de origem animal, como fígado, peixes de água salgada e óleo de fígado de peixe, e ativada quando ficamos expostos ao Sol.

Sinais de falta: raquitismo, nascimento tardio de dentes mal formados que caem logo, envelhecimento precoce.

VITAMINA E (TOCOFEROL)

Vital para todos os tecidos e para o sangue, a vitamina E também tem fama de vitamina “afrodisíaca”. O consumo de germe de trigo, nozes, amêndoas, semente de girassol, margarina, cereais em grão, verduras, peixes, carnes e leite garante a porção diária ao organismo.

VITAMINA K

Age como fator importante na coagulação do sangue, evitando hemorragia. É encontrada: fígado, vegetais de folhas verdes (espinafre, couve-flor, repolho), leite, tomate, arroz integral, ervilha e óleos vegetais.

ÁCIDO FÓLICO (FOLACINA)

Especialmente indicado para as mulheres que estão pensando em engravidar, o ácido fólico contribui para o crescimento e formação de células do sangue. Está diretamente relacionado às unhas, cabelo, medula óssea, sistema imunológico e células vermelhas.

Além de unhas e cabelos em mau estado, anemia, diarréia, memória fraca, indigestão, insensibilidade nas mãos e nos pés e língua inflamada são sinais de deficiência dessa substância no organismo. A reposição pode ser feita com o consumo de vegetais folhosos verdes, vísceras, leite, ovos, cogumelos, ervilha, nozes, pão integral, feijão e fígado.

BIOTINA (EX-VITAMINA H)

A Biotina age diretamente na formação da pele e indiretamente na utilização dos hidratos de carbono (açúcares e amido) e das proteínas. Atua sobre todas as células vivas. Fígado de galinha ou boi, rim, gema de ovo, leguminosas (amendoim), farinha de soja e cereais – com exceção do trigo – são as melhores fontes de Biotina.

Quer saber se está em falta no seu corpo? Observe queda de cabelo, náuseas, vômitos, perda do apetite, anemia, insônia, problemas cardíacos, fraqueza, depressão.

30 Dicas para manter a saúde

Separamos algumas dicas sobre comportamento e bem estar e vão ajudar a manter-se saudável.

Coma alimentos bem nutritivos – Dê preferência a uma dieta com baixo teor de gordura, cheia de frutas, vegetais e cereais.

Não se sobrecarregue – Faça aquilo que você sabe que vai conseguir fazer; evite se sobrecarregar. Descanse e relaxe sempre que tiver uma chance.

Rir, o melhor remédio – Mantenha-se sempre positivo, com bom senso de humor; nada como uma boa risada para se relaxar.

Mantenha-se ativo – Arranje sempre uma atividade para fazer; andar, praticar algum esporte, ter algum hobby, sempre ajuda a manter a mente saudável.

Seja seu próprio dono – Controle sua vida como você deseja; seja independente. Não deixe que os outros ditem o que você deve fazer ou pensar.

Ajude aos outros – Procure se voluntariar para alguma atividade; ajudar aos outros traz felicidade e bem-estar.

Pare de fumar – Fumar só traz prejuízo à sua saúde, à dos que estão ao seu redor e ao bolso.

Não coma demais – Comer demais acaba provocando mal-estar; evite comer de 2 a 3 horas antes de ir para cama, a comida aumenta a quantidade de ácido em seu estômago e você não vai dormir bem.

Reduza o álcool, chocolate e alimentos gordurosos – Esses alimentos provocam aumento de ácido no estômago, causando má digestão.

Pense antes de beber – Coma algum alimento antes de beber, para evitar que a bebida seja absorvida muito rapidamente. Saiba quando parar também!

Não coma muito rápido – Coma aos poucos, sem pressa, mastigando bem os alimentos.

Não encha o prato até a boca – Pegue um pouco de cada comida e vá saboreando aos poucos.

sol2

Não tome muito sol – Sol em excesso estraga sua pele, sem falar que pode provocar desidratação.

Use um protetor solar – Aplique um protetor solar em sua pele sempre que for se expor ao sol. Comece com um fator 15 e reaplique a cada 2 horas.

Use equipamentos de proteção solar – Chapéus, óculos escuros com proteção contra raios ultravioleta, guarda-sol e roupas adequadas são muito úteis para se proteger do sol.

Evite as horas de “pico de sol” – O horário das 10 da manhã às 3 da tarde é o pior para se tomar sol.

Evite o bronzeado excessivo – Ficar com ‘aquele’ bronzeado é muito bonito, mas estraga a pele e provoca envelhecimento precoce, além de poder causar câncer.

Durma bem – Durma pelo menos 8 horas por noite, num lugar tranquilo. Mantenha sempre a mesma rotina, a mesma hora de ir para a cama e de acordar.

Coma alimentos ricos em anti-oxidantes – Vitamina C, Beta caroteno e vitamina E contribuem para evitar o envelhecimento, aumentam a resistência física às infeccões e evitam a destruição das células que podem levar ao câncer. Evitam também doenças do coração e disfunção cerebral.

Coma menos gordura – Mantenha uma dieta com apenas 20 por cento das calorias derivadas de gordura; você vai reduzir o risco de ter uma doença do coração e alguns cânceres, além de se manter em forma.

Mantenha uma lista com o nome dos médicos da família ou dos hospitais com os quais você tem convênio.Na hora da emergência, qualquer minuto conta.

Tenha o número do telefone de um Centro de Controle de Intoxicações. Crianças estão sempre mexendo onde não devem e podem ingerir algum produto perigoso.

Aprenda como fazer Ressuscitação Cardio-respiratória – Você pode salvar a vida de alguém! Quanto menos tempo a pessoa ficar sem respirar e sem batimentos cardíacos, mais chance ela tem de se recuperar e ficar sem sequelas.

Mantenha com você um bilhete com as doenças importantes – Se você tem uma doença especial como eplepsia, diabetes ou doença do coração, ou se você toma algum remédio importante, escreva num papel e ande sempre com ele. Num caso de emergência, pode ser crucial.

Trabalhe com a cabeça – Use sempre equipamento de proteção se o seu trabalho requer. Você pode evitar muitos acidentes de trabalho.

Use cinto de segurança – Essa medida tão simples pode evitar muitas mortes, bem com reduzir o trauma físico durante um acidente.

Use capacete – Quando andar de bicicleta, use capacete. Crianças tem uma alta incidência de quedas quando andam de bicicleta, muitas vezes batendo a cabeça, causando lesão cerebral que pode ser irreversível ou mesmo levar à morte.

Evite lugares com fumantes – Respirar fumaça dos outros fumantes também aumenta o risco de desenvolver cancer de pulmão, além de outras doenças respiratórias.

Tenha uma vida sexual saudável e segura – Use preservativos sempre que tiver relações sexuais. Prefira as relações monogâmicas nas quais você tenha certeza de que o parceiro não tenha o vírus da Aids ou outra doença genital.

Fonte:http://members.aol.com/hpleite/index.html/