Boa notícia – Refrigerantes decidem diminuir os açúcares

Uma vida mais saudável depende de uma boa alimentação e prática de exercícios físicos. Na busca por uma vida com mais saúde e bem-estar as pessoas estão mudando os seus hábitos alimentares eliminando de suas rotinas alimentos prejudiciais à saúde, por isso o consumo de refrigerantes está em caindo em todo o mundo.

Por causa disso grandes empresas como a Coca-Cola estão investindo pesado em novos produtos e embalagens. Aliás 30% de seus produtos já tiveram redução de açúcar e 80% de seu catalogo de produtos tem opções com baixa ou sem calorias.

O Brasil é o quarto mercado da Coca-Cola em nível mundial, em razão disso o nosso país é um importante termômetro da empresa no que diz respeito ao público consumidor da marca e das transformações no estilo de vida da população mundial.

Como o brasileiro ama açúcar, afinal fomos educados pela cultura dos doces um característica do nosso DNA português. É preciso muito cuidado na hora de lançar novos produtos no mercado nacional, já que o mais doce é sempre o preferido dos brasileiros.

O trabalho de educação alimentar precisa ser um esforço conjunto entre sociedade, Governo e empresas.

Assim como foi feito no caso da redução de sódio dos alimentos o Ministério da Saúde está elaborando um plano para reduzir a quantidade de açúcar dos alimentos.

Na tentativa de reduzir a ingestão de bebidas açucaradas o Ministro Barros Apresentou em junho um projeto de lei que pretende acabar com as opções de refil dos refrigerantes, uma vez que essa prática aumenta em 30% a ingestão de refrigerante.

Esse é um artigo que o Blog Homeopatia e Saúde, um espaço informativo da Clínica Similia Homeopatia de qualidade em São Paulo – próximo da Av. Paulista, filiada ao Dr. Ariovaldo Ribeiro e a Dra. Ana Lucia Dias Paulo, trouxe até você para destacar a importância de reduzir a ingestão de açúcar para melhorar a sua saúde e bem-estar. Se quiser saber mais sobre o assunto acesse: https://goo.gl/7P3pMc

 

 

 

TAGS: Refrigerante, Açúcar, Dieta, Saúde, Baixa caloria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *